Busca Avançada
Notícias de Ubatuba
Entrevista - 27/05/2019
Prefeitura de Ubatuba inicia operação do Castramóvel
Atividades começam na sexta-feira, 24 de maio, no Ubatumirim

A população de cães e gatos da região Norte será o alvo prioritário das ações de esterilização a serem realizadas no Castramóvel, que começa a operar nesta sexta-feira, 24 de maio, a partir das 7h30, em uma borracharia situada na Vila Gaivota, no Ubatumirim. O pré-cadastro dos animais está sendo feito de maneira volante, casa a casa, nesta quinta-feira.

A ação visa o controle de zoonoses como a leishmanioses visceral, a esporeotricose e a raiva humana. A região Norte foi escolhida para início da operação do Castramóvel pelas dificuldades de acesso da população desses bairros à região Central, onde estão localizadas a maior parte das clínicas e equipamentos adequados para a castração animal.

Atualmente, o Programa de Castrações da Prefeitura de Ubatuba é realizado em três frentes: por meio de clínicas cadastradas, pela atuação de um profissional de Veterinária contratada pela Prefeitura junto a ONGs e ao Centro de Referência Animal e pelo Centro de Controle de Zooneses (CCZ). Somente entre janeiro e abril de 2019, já foram esterilizados um total de 632 cães e gatos, o que corresponde a uma média de 158 animais por mês.

O novo veículo Castramóvel amplia ainda mais a possibilidade de controle de zoonoses. Para que fosse possível entrar em funcionamento, além da contratação de mais um veterinário, foram organizados itens como os insumos (anestesia, fios e EPIs – equipamentos de proteção individual, medicamentos), pontos de água e luz, licenciamento do veículo e caminhonete de transporte.

O programa de castrações da Prefeitura de Ubatuba envolve investimentos que incluem, além do pagamento às clínicas feito por animal castrado, a remuneração de toda a equipe do CCZ, que inclui profissionais de Veterinária concursados e contratados, cinco tratadores, funcionários de limpeza e vigilância, motorista, fiscais, auxiliar administrativo, manutenção do espaço e de equipamentos como freezer, despesas com energia, água, telefone, carro de apoio além de todos os insumos utilizados. No total, são mais de meio milhão de reais investidos anualmente nessas ações que visam a prevenção em saúde.

Na última Campanha Anual de Vacinação Antirrábica de Cães e Gatos foram vacinados quase 3 mil animais e estima-se que a população canina e felina do município seja de aproximadamente 16 mil animais.

Bem-estar animal

Pensando no bem-estar animal, ou seja, em ir além do combate a zoonoses, o gabinete da Prefeitura de Ubatuba fundou um grupo de trabalho entre as secretarias de Saúde e do Meio Ambiente para, em conjunto com o poder legislativo e a sociedade civil, criar e implementar um Programa Permanente de Controle Reprodutivo de Cães e Gatos.

“A criação de tal programa implica em considerar também medidas que visem a ampliação da arrecadação do município, seja por meio de recursos próprios (fonte 1), seja por fundos estaduais e/ou federais, bem como a inserção do mesmo nos planos plurianuais (PPA) e na Lei de Diretrizes Orçamentárias, em conformidade com a Lei de Responsabilidade Fiscal”, explica o chefe de Gabinete, Eugênio Zwibelberg.
 
Fonte: Secretaria de Comunicação / PMU